António Mexia: RH é a área que mais gosta

«A questão das Pessoas é, de longe, aquela que mais me sensibiliza, porque é também aquela que eu mais gosto de fazer», afirmou António Mexia, CEO da EDP, ao receber o prémio “Qual o CEO que mais gostaria de ter?”.

A entrega dos prémios “As Empresas Mais…” decorreu no dia 15 de Novembro, no Hotel Dom Pedro, a seguir à 2.ª conferência da revista Human Resources Portugal.

A eléctrica portuguesa recebeu ainda os prémios “Qual a empresa onde mais gostaria de trabalhar?” e “Qual a empresa com maior espírito de equipa?”. A juntar a estes, Maria João Martins, directora de RH da EDP, venceu o prémio “Qual o Director de Recursos Humanos que mais gostaria de ter?”. «Um DRH deve gerir as Pessoas ao mais alto nível, confiar em absoluto e dizer todos os dias aos colaboradores para irem mais longe. Deve ser de uma capacidade criativa, que provavelmente terei, para nunca desistir das Pessoas – há sempre alguma coisa que podemos fazer. E este prémio deve, também, ter que ver com a maneira como as pessoas gostariam de ser geridas», justificou a directora de RH.

O prémio “Qual a empresa que gere melhor os seus talentos?” coube à Cisco Systems, que o recebeu pelas mãos de Andreia Rangel, directora de Recursos Humanos da empresa. A distinção da Everis veio com o prémio “Qual a empresa mais orientada para as pessoas?” recebido pelo CEO, António Brandão de Vasconcelos. A Siemens venceu na categoria “Qual a empresa que mais celebra as suas vitórias nos negócios e estratégias com os seus colaboradores”, um prémio recebido por Joana Garoupa, directora de Comunicação da Siemens.

Patrícia Fernandes, directora de Relações Públicas da Microsoft, explicou «colocamos tecnologia de ponta ao serviço de todas as pessoas o que lhes permite trabalhar a partir de qualquer local e não necessariamente a partir do escritório», ao receber o prémio “Qual a empresa com maior equilíbrio entre a vida pessoal e a vida profissional”.

«É uma das mais-valias de ir ao encontro da sociedade e de uma sociedade muito rural como é Campo Maior», justificou Manuela Guerreiro, directora de Recursos Humanos da Delta, sobre a distinção “Qual a empresa mais socialmente responsável”. Por seu lado, Margarida Silva, manager da Volkswagen Autoeuropa, ao receber o prémio “Qual a empresa que mais investe e se preocupa com a formação e desenvolvimento dos seus colaboradores?” sublinhou: «Vemos a formação como uma ferramenta do desenvolvimento das pessoas».

“As Empresas Mais…” contaram com um método inédito no que a prémios de gestão de pessoas diz respeito já que a votação final coube aos leitores da revista, depois de uma primeira selecção realizada pela equipa editorial e pelos membros conselheiros da revista. No total, 4787 pessoas votaram online para decidir os vencedores.

Notícias relacionadas:

Inovação na 2.ª Conferência da HR Portugal

2.ª Conferência da Human Resources Portugal

2.ª Conferência da Human Resources debate inovação

Human Resources premeia as Empresas Mais

EDP vence 4 categorias dos prémios “As Empresas Mais”

Cinco perguntas a… António Mexia

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

*