Palavra de ordem: motivar

Adriana Tavares_PhotoopiniaoOpinião de Adriana Tavares

Directora de Recursos Humanos da Transcom Portugal

É um dos pontos que mais preocupa os gestores de Recursos Humanos, líderes de equipas de trabalho e colaboradores: a motivação. Como conseguir motivar as equipas, para obter de cada um dos seus elementos aquela milha-extra que tão preciosa pode ser; como conseguir criar, manter e até aumentar a vontade e a energia para levantar e ir trabalhar todos os dias? Muitos são os modelos motivacionais que pretendem explicar a razão de um colaborador se manter ou não motivado, quais os incidentes internos e externos à equipa de trabalho que podem levar a alterar o estado motivacional de cada um. A capacidade de motivar, por parte dos líderes de equipas de trabalho é essencial e existem muitas formas de o fazer, porém não há um modelo standard que possa ser exportado ou prototipado para se usar qualquer que seja o ambiente, sector de actividade ou personalidade.

Trabalhando na área dos Contact Centers onde o desgaste motivacional, devido ao tipo de trabalho desenvolvido, é forte, como é que se consegue manter uma equipa focada, motivada e disposta a percorrer a milha seguinte?

Esta questão é colocada todos os dias pela nossa equipa de gestão, que conhece e sente o pulso do trabalho diário de equipas altamente treinadas e especializadas em áreas de forte teor comercial, que provocam grande desgaste – uma chamada de um minuto terminada com um “não” tem mais impacto que 10 chamadas seguidas com resultados comerciais positivos. O operador tem de estar tão treinado, preparado e com uma capacidade de se refocar para obter resultados positivos que muitas vezes parece sobrehumano. Mas na realidade é mesmo isso, num Contact Center trabalham super-heróis e super-heroínas que, todos os dias sem excepção, enfrentam o desconhecido e a adversidade, factores estes que são difíceis de gerir a nível motivacional, mas que se superam e buscam o objetivo proposto em equipa e definido em conjunto com o cliente: o resultado positivo e o reforço da marca do cliente.

Técnicas e tácticas existem e são usadas e implementadas diariamente, porém existe algo que é muito importante para qualquer colaborador conseguir estar focado e motivado: a certeza da preocupação do seu empregador com o seu bem-estar e estabilidade. Esta estabilidade pode minimizar outros factores externos inerentes à profissão Contudo, a motivação natural proporcionada por uma estabilidade financeira e de empregabilidade não é suficiente. A preocupação com o meio ambiente em que a empresa e os seus colaboradores se inserem, através de apoio a acções e eventos de cariz de responsabilidade social, de modo a que o trabalho que cada um efectua diariamente possa ser recompensado também de forma indirecta, mas consciente, de apoio a outros e a causas de valor único é cada vez mais importante.

Sabemos que a motivação parte de cada indivíduo, porém as organizações têm um forte contributo não só com acções de team building, mas também, e cada vez mais, com uma acção directa naquilo que são as preocupações naturais dos colaboradores e do meio ambiente que os rodeia.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

*