Uma empresa familiar

Com uma história de 63 anos e uma cultura única. A SUMOL+COMPAL é uma das marcas mais queridas dos portugueses e tenciona posicionar-se como uma empresa portuguesa de referência internacional em bebidas de frutos e de vegetais.

Por TitiAna Amorim Barroso

Fotos Nuno Carrancho

 

 

Nos anos 60, a Sumol apresentava-se ao mercado com um anúncio de refrigerante na televisão portuguesa. Em nome da fruta, do natural e da ausência de conservantes uniu-se à Compal, publicamente em 2009, e tornaram-se na empresa “líder de mercado das bebidas não alcoólicas em Portugal”. Embora entre 2006 e meados de 2008 tenha sido adquirida pela Sumolis.

Longe dos tempos em que o Sumol era apenas um sumo de laranja vendido num restaurante de Algés ou que a Compal se centrava na área do tomate, a SUMOL+COMPAL continua a apostar na inovação e na naturalidade dos seus produtos, seja na fruta ou vegetais.

«A história da S+C mistura-se com a história individual de cada um, sobretudo dos que têm maior antiguidade, e o ambiente que se vive cria elos de ligação que facilitam as relações e a vontade em “ter” e “viver” uma organização de sucesso. O orgulho é marcante, emocionante e transversal», conta-nos Catarina Graça, que assumiu a direcção de Pessoas da SUMOL+COMPAL em Outubro de 2015. Mas já fazia parte deste universo desde 2014, altura em que ingressa na direcção de Pessoas, Comunicação & Sustentabilidade onde geria a área de Pessoas.

Em entrevista, Catarina Graça fala-nos de uma empresa orientada para o sucesso e para as pessoas, da cultura de inovação e do ambiente informal.

Leia a entrevista na íntegra na edição de Fevereiro.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Outras notícias

Comentar este artigo

*