Gestora de Pessoas: A felicidade dos colaboradores no ADN

A Leroy Merlin está em forte expansão em Portugal e, para quase duplicar a sua estrutura, em lojas e colaboradores, a prioridade é ter as pessoas certas, e felizes, para permitir que o negócio se desenvolva ao ritmo definido na estratégia. Ana Herrero assumiu este desafio na direcção de Recursos Humanos.
Por Ana Leonor Martins | Fotos Nuno Carrancho

 

Actualmente, em Portugal, a Leroy Merlin tem 11 lojas físicas e 2300 colaboradores. Mas, nos próximos cinco anos, pretende abrir mais oito lojas, o que implica chegar a uma estrutura de 4000 colaboradores. A forma de fazer negócio também vai mudar. Destes objectivos decorre um grande foco na identificação, desenvolvimento e retenção do talento. Com a convicção de que não seria possível fazer esta aceleração sem uma pessoa a apoiar de forma profissional e sistematizada a área de Recursos Humanos, o desafio foi colocado a Ana Herrero. O gosto de «organizar ‘a casa’, estruturar processos e procedimentos e ajudar a focar as equipas nesse sentido, aliado à cultura do Grupo Adeo, que valoriza as pessoas e as coloca no centro das suas operações, fizeram com que sentisse um apelo grande para fazer parte desta etapa da evolução e crescimento da empresa».

 

Faz em Agosto três anos que assumiu funções como Directora de Recursos Humanos da Leroy Merlin Portugal. Como surgiu essa oportunidade?

O namoro foi longo pois chegada determinada fase da carreira já não estamos propriamente em exploração. Estamos bem e somos cuidadosos em aceitar novos desafios. Em 2015 a Leroy Merlin fez algumas mudanças no board e a nova equipa de gestão sabia claramente quais os grandes desafios que tinha pela frente, nomeadamente uma expansão agressiva e o desenvolvimento de novas formas de fazer negócio e, consequentemente, a grande necessidade de ter as competências internas necessárias para esses objectivos. Neste sentido, identificou como fundamental retomar uma direcção de Recursos Humanos, inexistente há dois anos.
Leia a entrevista na íntegra na edição de Junho da Human Resources.

 

Veja também estas entrevistas.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Outras notícias

Comentar este artigo

*