A atracção e gestão do talento millennial

A capacidade de captação de talento da Sonae está directamente relacionada com o facto de investir no conhecimento dos diferentes segmentos etários que constituem o ciclo de vida dos colaboradores.

 

Por Maria Antónia Cadilhe, directora de Talent Management & Development da Sonae

 

Sendo os millennials um destes segmentos, conhecer os seus interesses e expectativas, sinalizar o que os diferencia e aproxima dos outros segmentos de colaboradores e, com essa informação, renovar as práticas de Gestão de Pessoas, é importante. Temos a convicção de que é esta dinâmica que nos permite desafiar diariamente o modo como gerimos o nosso talento, através da incorporação de mudanças que proporcionam, a quem aceita o desafio de integrar as nossas equipas, experiências que respondem às suas expectativas e objectivos.

O Programa Contacto é um dos exemplos dessa dinâmica, uma vez que, ao longo dos 31 anos de existência, soube renovar-se e responder aos desafios que as diferentes gerações de jovens talentos foram colocando. O acesso directo aos líderes Sonae, o foco no crescimento contínuo, a participação activa no processo de escolha da área de acolhimento, bem como a possibilidade de conciliar os projectos pessoais e profissionais, tem permitido reforçar a capacidade de atracção do programa ao longo dos anos.

Estas inovações foram sendo implementadas porque os jovens disseram-nos que eram importantes, e disseram-nos porque lhes perguntamos, porque quisemos saber o que valorizam. Acreditamos que esta proximidade é determinante e por isso fazemos com que aconteça cada vez mais cedo. Temos, por isso, vindo a implementar um conjunto de iniciativas, dirigidas a diferentes momentos do ciclo de vida do estudante, com vista a promover uma aproximação gradual, estruturada e cada vez mais cedo, entre os jovens e o mercado de trabalho. São exemplo disso o Sonae Summer Experiences (destinado a jovens que frequentam o ensino secundário e que têm a oportunidade de realizar o seu processo de escolhas vocacionais em contexto real de trabalho), o Call for Summer (estágios de verão destinado a alunos universitários) e o Call for Solutions (estágios para finalistas de mestrado).

Estamos convictos que um processo efectivo de atracção e captação de talento está directamente relacionado com a nossa capacidade de actuar de forma segmentada, levando a cabo estratégias customizadas aos vários targets que pretendemos captar. Hoje e sempre!

 

Veja também estas notícias

 

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

*