Credit Suisse despede 4% dos trabalhadores

“Performance decepcionante”. Estas foram as palavras escolhidas por Brady Dougan, presidente executivo do Credit Suisse, para classificar os resultados do banco no segundo trimestre deste ano. A consequência é o anúncio do despedimento de 4% dos colaboradores.

Entre Abril e Junho deste ano, o Credit Suisse registou um lucro de 667 milhões de euros. Estes números representam uma queda de 50% face ao mesmo período do ano passado, quando os lucros ascendiam a 1,3 mil milhões de euros.

Com o despedimento dos trabalhadores, o banco espera poupar 868 milhões de euros em 2012, segundo a Agência Lusa.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

*