Demium quer lançar 60 startups em Portugal até 2023

Recém-chegada a Lisboa, a incubadora Demium pretende ajudar a lançar 60 startups made in Portugal nos próximos quatro anos, numa avaliação conjunta superior a 100 milhões de euros. Em troca de mentoria, apoio e formação, fica como co-fundadora e com 15% de cada empresa.

 

A capital portuguesa foi um dos primeiros destinos escolhidos pela espanhola para a internacionalização. «Acreditamos que Lisboa é o epicentro da inovação na Europa, especialmente pelos incentivos ao ecossistema empreendedor e desenvolvimento de talento internacional na cidade», afirma Benjamin Lambert, managing director da Demium para Portugal.

No primeiro bootcamp realizado em Lisboa, a Demium contou com 37 participantes de dez nacionalidades, entre os quais de Portugal, Reino Unido, Brasil, França, Estados Unidos da América, Grécia e Alemanha. Neste momento, aguardam a decisão final acerca dos projectos que integrarão um programa de incubação de seis meses no espaço NowBeato, com acesso a recursos e apoio para lançar o negócio, entre as quais instalações gratuitas, investimento inicial e mentoria.

Em seis anos, a Demium já realizou 53 eventos “AllStartup” em três países e lançou 174 projectos, dos quais 60 deram origem em empresas e 45 são startups com uma avaliação conjunta de 158 milhões de euros. O próximo evento em Portugal já está marcado para o final de Junho.

Com uma taxa de sucesso superior a 70%, a espanhola Demium nasceu em 2013. Com escritórios em Valência, Madrid, Barcelona, Bilbao, Málaga e, mais recentemente, em Lisboa e Minsk, encontra-se em fase de expansão internacional, nomeadamente para Londres, Milão, Kiev e Budapeste. No próximo ano, vai também expandir para a América do Sul.

 

Veja também estas notícias.

Ler Mais
Artigos relacionados
Comentários
A carregar...

MULTIPUBLICAÇÕES

Marketeer
Arranca a segunda edição do From Start-to-Table
Automonitor
Primeiras impressões ao volante do novo Skoda Scala