Promover o engagement através da Comunicação Interna

A Comunicação Interna tem assumido um papel cada vez mais estratégico para o negócio. Ela é responsável por alinhar os valores e objectivos da empresa com os colaboradores, contribuindo para um maior engagement, a motivação. Accenture, CTT, Deloitte, EDP, Fidelidade, Galp, Grupo Nabeiro, NOS, OGMA, Randstad, Super Bock Group e Vila Galé Hotéis são empresas que fazem uma forte aposta nesta área. Descubra como.

 

Na edição de Setembro da Human Resources Portugal, a Comunicação Interna voltou a ser tema do Caderno Especial. Neste âmbito, apresentámos 12 casos práticos:


Accenture: 
Uma ligação emocional
A Comunicação Interna é essencial no engagement e sentimento de pertença dos colaboradores da Accenture. Com o propósito de se sentirem verdadeiros embaixadores da marca.

Leia o artigo na íntegra aqui

 

 CTT: O voluntariado e a sustentabilidade no ADN
Está a decorrer a iniciativa “Uma Árvore pela Floresta”, uma parceria entre os CTT e a Quercus, em linha com a política de apoio à biodiversidade e combate às alterações climáticas da empresa.

Leia o artigo na íntegra aqui

 

Deloitte: Reforçar o engagement com a marca
Na Deloitte, a Comunicação Interna tem o desafio de aumentar o engagement dos colaboradores, criando verdadeiros embaixadores da marca no seio da organização.

Leia o artigo na íntegra aqui.

 

EDP: Era global e digital
A Comunicação Interna tem o papel de actuar enquanto agente facilitador da mudança e de suporte à cultura da EDP. Numa lógica cada vez mais global, mas com os ajustes necessários a um universo com mais de 12 mil colaboradores, mais de 40 nacionalidades e presença em 16 países.

Leia o artigo na íntegra aqui

 

Fidelidade: Facilitador da transformação
A Comunicação Interna é um pilar fundamental na estratégia de comunicação de qualquer empresa, ainda mais numa empresa como a Fidelidade, que está em pleno processo de transformação.

Leia o artigo na íntegra aqui.

 

Galp: Agilizar, adaptar e alcançar
Em termos de Comunicação Interna, esta sigla 3A traduz os principais desafios da Galp, que pretende fomentar um espírito de grupo, de orgulho e de pertença entre os quase sete mil colaboradores, que se distribuem por 11 países e quatro continentes.

Leia o artigo na íntegra aqui.

 

Grupo Nabeiro: Uma marca humana
A administração, chefias, equipa de Comunicação e áreas transversais ao Grupo Nabeiro estão focadas em provocar no colaborador uma experiência interna positiva e totalmente orientada para o seu crescimento. E a Comunicação Interna do Grupo é a responsável por isso.

Leia o artigo na íntegra aqui

 

NOS: As pessoas como protagonistas
O reconhecimento efectivo das pessoas como um activo importante numa organização é uma conquista tão clara como recente. Porque as pessoas são, de facto, o único activo que a concorrência não tem, os colaboradores devem ser vistos como os primeiros “clientes” da empresa. E a NOS tem a suas pessoas no top of mind.

Leia o artigo na íntegra aqui.

 

OGMA: Três pilares essenciais
Com o foco as pessoas, os pilares essenciais da estratégia de Comunicação da OGMA para garantir o envolvimento, a união e a dedicação dos colaboradores enquanto os maiores embaixadores da marca são: informação, motivação e envolvimento.

Leia o artigo na íntegra aqui

 

Randstad: Um acelerador da transformação
Na Randstad Portugal, a Comunicação Interna assume-se como elo fundamental entre o “business as usual” e a inovação.

Leia o artigo na íntegra aqui

 

Super Bock Group: Dar sentido à expressão “vestir a camisola”
Através da Comunicação Interna, o Super Bock Group incentiva a paixão das pessoas pela empresa, fazendo com que se sintam envolvidas nas decisões e contribuindo para que se tornem os melhores embaixadores das suas marcas.

Leia o artigo na íntegra aqui

 

Vila Galé Hotéis: Os rostos da hospitalidade
A Comunicação Interna ganha especial relevância por estarmos a falar de uma empresa de hotelaria. Já que o bom desempenho e serviço de excelência dependem do bem-estar e da motivação dos colaboradores que, por sua vez, tem influência na forma como lidam com os clientes.

Leia o artigo na íntegra aqui

Veja também estes Cadernos Especiais.

Recomendar
  • gplus
  • pinterest

Comentar este artigo

*