Situação laboral é a mais positiva dos últimos três anos

De acordo com os dados do Índice de Confiança da Michael Page, a percentagem de portugueses que consideram a actual situação do mercado de trabalho boa ou excelente atingiu o valor mais elevado desde 2016, tendo-se fixado em 58%. O mesmo se verifica em relação à situação económica.

 

Em 2016, as percentagens foram de 19% e 16%, respectivamente.

No que diz respeito aos objectivos profissionais, 64% dos trabalhadores sente-se confiante sobre o desenvolvimento de novas competências, 54% espera executar novas funções e 47% espera ser promovido.

Em relação à mudança de emprego, o estudo revela que 57% dos candidatos acredita que irá encontrar um trabalho nos próximos três meses e 63% confia que o mercado de trabalho irá melhorar nos próximos seis meses.

O Índice de Confiança em Portugal registou um aumento de dois pontos percentuais, fixando-se nos 55%, enquanto a média europeia se situa-se nos 58%. A Alemanha é o país da Europa mais satisfeito com o mercado laboral, com 70%, e a Itália revela o menor índice de satisfação, com 45%.

Estes dados resultam dos inquéritos aos profissionais que se candidataram a ofertas de emprego no quarto trimestre de 2018, através da Michael Page, num total de 640 respostas em Portugal.

 

Veja também estas notícias.

Artigos relacionados
Comentários
A carregar...